textos

Quero trabalhar com moda, qual faculdade devo cursar?

Esse post vai servir como continuação de um outro que escrevi no ano passado, o das principais profissões de moda. Como sei que vocês se interessam bastante pelo assunto, achei que seria legal fazer uma continuação do outro só que mais detalhada.

Hoje em dia, a faculdade de moda está entre as principais escolhas de jovens que se interessam pelo universo das grandes indústrias de roupas, calçados, acessórios e uma infinidade de opções. O mercado vem crescendo cada vez mais, e assim surgindo novas áreas de trabalho a cada ano.

Desde pequena sempre soube que também queria fazer parte desse universo. Já pensei em fazer faculdade de moda mesmo, publicidade e até que esse ano, optei pelo jornalismo – vou fazer vídeo contando- . Mas não preciso nem dizer, que quero ser jornalista de moda. Com tantas opções no mercado, fica difícil escolher qual curso fazer, não é mesmo? Sim, esse dilema já aconteceu comigo. Outro quesito muito importante também, é a escolha da faculdade, já que algumas são direcionadas para áreas específicas.

– Jornalismo: esse curso já existe há bastante tempo. Acho que cada faculdade tem um foco diferente, já que a carreira abrange muitas opções de trabalho no mercado. Além de gostar de ler e escrever, o estudante tem que estar sempre conectado com tudo que está acontecendo e não importa qual assunto for.

Se você sonha em trabalhar em alguma revista, site ou até mesmo TV, essa é a profissão ideal. Editores de moda, beleza e colunistas, normalmente são formados em jornalismo. Sou suspeita para falar, pois estou amando meu curso! Outra coisa legal, é que ele te abre portas para trabalhar em outras áreas, que variam desde economia até esportes.

ONDE CURSAR:
– Espm – SP: mais voltada para parte de comunicação, tem excelentes estúdios e uma estrutura ótima.
– PUC – SP/ RJ: a faculdade é bem antiga, mas muito bem conceituada no mercado. A jornalista Vic Ceridono do blog Dia de Beauté se formou lá!
– Cásper Líbero – SP: uma das mais conhecidas no mercado, tem como ênfase formar um profissional que saiba atuar em diversas áreas da profissão.

– Estilista: provavelmente um dos mais requisitados para quem realmente gosta de desenhar e fazer croquis. Além de saber desenhar, você precisa gostar de fazer moldes e costurar. Essa profissão é um pouco complicada, já que existe muita competitividade e é um campo bem específico. Mas não desista, se ser estilista é o seu sonho, corra atrás!

Além de ter sua própria marca, o estilista pode trabalhar em fábricas ou até mesmo em outras lojas. Sem contar que ele é o papel mais importante, pois além de criar, o mesmo precisa estar sempre antenado com as tendências e tudo que estiver na mídia.

ONDE CURSAR:

– Santa Marcelina – SP: para esse ramo, é uma das mais conhecidas e bem conceituadas. A faculdade espera que o aluno possa dominar os conceitos básicos da moda, usar a criatividade e aprender técnicas de desenho.

– Belas Artes – SP: ao contrário das outras faculdades, a B.A tem um grande diferencial, todos seus cursos são voltados para a área das artes. O curso de moda é coordenado pela Valesca Nakad – foi ela quem organizou o curso que fiz em NY – e tem como foco abordar diversos assuntos desse universo e não só a parte da criação.

– Negócios da moda: esse é um curso relativamente novo, porém não deixa de ser interessante. Para quem não sabe, nele você vai aprender como administrar uma marca e tudo relacionado a esse campo. Além disso, ele te dá uma visão bem ampla sobre diversos setores do mercado.

Se você quer trabalhar na parte de varejo de moda, ou até mesmo em indústrias, esse é o curso perfeito.

ONDE CURSAR:

– Ahembi Morumbi – SP: foi a pioneira no mercado nesse setor. Ela tem ótimas referências, inclusive minha mãe fez MBA em Negócios e amou. Sem contar com a infra-estrutura que é excelente.

Espero que tenham gostado do post, quero fazer a terceira continuação dele onde irei falar de cursos de curta duração para se fazer fora do Brasil. Se tiverem sugestão, dúvida, serão muito bem vindas.

Obs: A maioria das faculdades ficam em Sp, pois é uma das cidades que tem maior oportunidade e mais variedade para se escolher!

Fotos: We Heart It

Beijos <3

Related posts:

6 Comments

Acredite na força dos seus sonhos


Quem nunca se imaginou com tal pessoa, em tal lugar e queria que tudo aquilo que você está pensando fosse verdade?! Acho que todas nós.

Os sonhos fazem parte da nossas vidas, dia-a-dia e de nossos pensamentos. Diferentemente dos homens, somos mais sensíveis e qualquer coisinha nos deixa magoada, mas isso é normal, nossos hormônios estão a mil e quando acontece qualquer situação que não gostaríamos que acontecesse, ele nos envia mensagens e essas mensagens muitas vezes são nossas lágrimas, a depressão e a vontade de sumir e nunca mais aparecer.

Tudo passa, um dia vamos sorrir só de lembrar das situações que passamos e pensar: “meu Deus como eu era ridícula”! Mas isso tudo faz parte da idade, maturidade, são coisas da vida que só o tempo vai nos ensinar a enfrentá-las. Não pare nunca de sonhar e jamais abaixe a cabeça para vida, temos que aprender com nossos erros.

Toda noite eu me vejo pensando como eu queria que minha vida fosse daqui para frente, o que eu espero para o meu futuro – já que esse ano presto vestibular – , e como – eu ANA CAROLINA – me vejo daqui há uns dez anos. Sinceramente não tenho UMA resposta, mas sim várias, porém já que não estou no futuro, preciso pensar no presente e tentar fazer o melhor para que o meu futuro seja do jeito que eu imagino. Além de sonhar, preciso colocar esses sonhos num papel e torná-los realidade. Um bom exemplo disso é o blog, jamais esperei que ele fosse ser assim, mas estou sempre pensando positivamente e pensando no que posso fazer para torna-lo cada dia melhor, por isso nunca desista dos seus sonhos, por mais maluco que ele for. Lembre-se: nada é impossível se você tiver força de vontade!

Ps: esse texto foi realmente escrito por mim, gostaria muito de saber a opinião de vocês!

Related posts:

4 Comments

Texto da Malu – Infância boa

Quando pequena, eu colocava meus braços dentro da blusa e dizia as pessoas que não os tinha mais. Eu reiniciava o vídeo game toda vez que sabia que iria perder. Eu ia dormir com todos os meus bichinhos de pelúcia para que nenhum ficasse chateado. Eu tinha aquela caneta com 6 cores em uma só e tentava puxar todos os botões mesmo tempo. Eu tomava guaraná fingindo que era champanhe ou comia vááários tic tacs ao mesmo tempo fingindo ser remédio. Ficava esperando atrás da porta para assustar alguém, mas quando percebia que estava demorando muito saia porque tinha que fazer xixi. Eu fingia estar dormindo só para o meu pai me carregar para a cama. Eu costumava pensar que a lua seguia meu carro. Ficava observando aquelas duas gotas de chuva pela janela e fingia que elas estavam competindo. Eu engolia o carroço das frutas e morria de medo que crescesse uma arvore no meu estomago. Lembra quando eramos crianças e não podíamos esperar para crescer? O que a gente tinha na cabeça?

 Beijos, Malu

Related posts:

1 Comment

Texto da Malu – Pequenos prazeres da vida…


Eu amo camas desarrumadas. Eu amo quando as pessoas estão chorando bêbadas e não podem ser nada além de honestas naquele momento. Eu amo o olhar das pessoas quando elas percebem que estão apaixonadas. Eu amo quando as coisas acontecem quando eu menos espero. Eu amo sentir aquele friozinho na barriga quando acho que algo está prestes a acontecer. Eu amo quando alguém me faz sentir protegida. Eu amo o suspiro que as pessoas dão quando o personagem de algum filme morre. Eu amo a intimidade. Eu amo aquelas risadas que fazem a bariga doer. Eu amo quando alguem assume a culpa por ter feito algo. Eu amo ouvir conselhos. Eu amo quando deito na cama e fico imaginando como eu queria que as coisas fossem, imaginando o que deveria ter feito e o que vou fazer. Eu amo quando as pessoas olham fixamente para algum lugar e nao pensam em absolutamente nada. Eu me apaixono por pessoas que são honestas o tempo todo. Eu amo as manias que elas tem, como por exemplo morder a tampa da caneta. Eu amo surpresas. Eu amo quando me contam um segredo. Eu me apaixono pelas falhas das pessoas. Honestamente acho é tudo muito bom para descrever.

Related posts:

0 comment

1 2 3