Estou completamente apaixonada pelo curso de jornalismo, cada dia tenho mais certeza de que este é o caminho certo para mim. O vídeo de “Respondendo Perguntas do Curso”, saiu ontem, e como me empolguei no assunto, decidi fazer uma continuação.

Já faz pouco mais de um mês que entrei na faculdade, e sinto que já aprendi MUITA coisa. Fiquei feliz em saber que muitas de vocês também querem fazer esse curso, por isso estou pensando em escrever mensalmente um post relacionado a assuntos de faculdade e jornalismo. O que acham?

pauta-jornalismo

Como futura jornalista, aprendi que…

1. Todo texto tem um lide. Antes de começar a fazer jornalismo, não tinha a menor idéia do que significava essa palavra. O lide, significa o quando, o quê, quem, onde e como. Que são as informações básicas e necessárias para o leitor compreender o texto.

2. Plágio é crime! Parece clichê, mas lembra quando aquela sua professora do ensino fundamental falava “trabalho copiado da Internet é nota 0!”? Pois então, ela só estava tentando te mostrar que plagiar uma coisa é crime. Veja bem, copiar um trecho, pegar uma foto, citar alguma informação… dando os créditos da fonte principal, NÃO É CRIME! Isso todo mundo faz, mas lembre-se de sempre colocar de onde pegou tal informação.

3. Seja cara de pau! Preciso confessar que sou super tímida de vez em quando, mas de agora em diante, isso precisa mudar. Todo jornalista é cara de pau, mandar e-mails oferecendo trabalhos freelancers, trocar cartões de visita e entrevistar pessoas desconhecidas na rua, são apenas alguns exemplos que a maioria faz por aí. Sério gente, não vale a pena ter vergonha. Se tem um blog, em qualquer evento que for, faça amizade, e se auto divulgue!

4. Qualquer um pode ser freelancer. Se você nunca ouviu essa palavra, eu te explico. Freelancer ou freela, significa ser o seu próprio chefe, ou seja, você trabalha sozinho e vende esse trabalho para algum lugar.

Por exemplo, você está viajando, e escreve uma matéria bem legal sobre sua viagem, se quiser pode vende-la. Mas como faz isso?! Sendo cara de pau, e mandando e-mails para revistas, blogs, jornais e assim vai. Se engana quem pensa que só jornalista formado pode fazer isso, se você for estudante também vale hein?!

5. Todo jornalista sabe para qual público está escrevendo. Sabe aquelas pesquisas que eu faço todo ano aqui no blog?! Então, é para saber qual é o perfil das minhas leitoras. Digo isso, porque não adianta eu usar uma linguagem hiper informal como se estivesse escrevendo para crianças, sabendo que o meu público regula quase a mesma idade que eu. Com o jornalista acontece a mesma coisa, ele sempre vai saber QUEM será o leitor de seu texto. E se não souber, vai pesquisar para descobrir.

Meninas, quero muito saber a opinião de vocês à respeito desse post.

Beijos <3

Facebook Comments

Related posts:

Estudante de jornalismo, apaixonada por moda desde pequena e vê no blog um espaço para compartilhar suas dicas e idéias.